Sábado, 31 de Outubro de 2009

Bloguisses

 

[Ante de mais, um feliz Halloween para os que por aqui passarem! É das minhas festas favoritas, embora este ano não o festeje... para grande pena minha.

Quem o faz, que se divirta ao máximo!

Trick or treat? ;) ]

 

 

Ora bem, a agnés argentée deixou uma notinha no blog com estes desafios que correm pela blogosfera e resolvi aderir, apesar de estar longe de ter um blog perfeitinho. ;)

 

As regras do primeiro consistem em :

 

1. Postar o link de quem indicou;
2. Postar o selo;

3. Passar o selo a 5 blogs perfeitinhos;
4. Responder às perguntas;

 

 

 

Sendo assim, e porque não gosto de escolher, os que por aqui passam, sintam-se livres para publicar o desafio no vosso próprio blog! ;)

 

Mania: pedir abraços (a quem tenho confiança)
Pecado capital: vaidade e gula  :s
Melhor cheiro do mundo: estou em fase transitória no que toca a gostos olfactivos … Em perfumes adorava baunilha. E o que me faz sentir realmente bem é o aroma do campo depois de chover, é revitalizante !
Se o dinheiro não fosse problema: as pessoas arranjavam outro, de certeza. Seria um mundo utópico onde ninguém trabalhava e a comida caía do céu. Todos teriam de saber extrair pedras da terra, construir casas, fazer roupa, criar tecnologia e fazer de técnico de cada vez que houvesse uma avaria. Se o dinheiro não fosse problema só para mim… rezava para não me transformar numa cópia da Paris Hilton e rumava a Hollywood para dirigir o meu próprio filme. E depois fazia aquelas coisas todas giras que têm com fim cumprir os nossos sonhos materiais.
História de Infância: tantas… A casa onde vivia tinha espécie de uma biblioteca e eu ia lá buscar livros às escondidas para ficar a desfolhar sempre que podia. Quando acabava ia lá e trocava por outros, e assim sucessivamente, com 4 anos.
Habilidade como dona de casa: Zero? X) Bem, se estiver entretida gosto de passar a ferro. E faço-o bem. Se me empenhar também cozinho coisas dignas, mas é preciso estar no cooking-mood, que, só por acaso, é raro.
O que não gosto de fazer em casa: receber visitas secantes que ficam horas a falar das suas vidas enquanto tenho imensas coisas a fazer, e limpar o pó. Detesto limpar o pó.
Frase preferida: imensas, sou uma viciada em citações! Mas como descobri uma com um significado meio oculto, essa passou a ser a que indico com mais frequência: "Regardez le ciel. Demandez-vous: « Le mouton oui ou non a-t-il mange la fleur? » Et vous verrez comme tout change..." - Le Petit Prince, Antoine de Saint Exupéry
Passeio para o corpo: correr a ouvir a minha selecção musical! ;)
Passeio para a alma: campo, definitivamente, e se for ao por do sol melhor ainda. Parar para olhar as montanhas e respirar o ar fresquinho… adoro! J
O que me irrita: mentira e arrogância. Acho que a arrogância mais…
Frases ou palavras que uso muito: “Ok”, “Tipo”, “Tas a gozar”(reparei nesta há pouco tempo), “Oi”, “Adoro-te”, “When we are drunk we always talk in english” (esta não uso muito, atenção! Mas é género de um slogan… lol)
Palavrão mais usado: não sou dada a palavrões. É preciso estar no meu limite de irritação para o fazer.
Vou aos arames quando: não acreditam em mim, não me escutam ou vejo injustiças. Ah, ou invadem a minha privacidade.
Talento Oculto: exacto, demasiado oculto que ainda não se manifestou! ;) Já me deram os parabéns por cantar (perdi o talento há anos atrás, sinceramente), por representar, por desenhar, por escrever. Mas não acho que seja talentada para isso, simplesmente não o faço mal e tenho gosto ao fazer. Acho que o meu talento verdadeiro é colocar-me no lugar das outras pessoas. Em geral tenho facilidade para perceber o que estão a sentir. E não quer dizer que seja uma coisa boa… às vezes martiriza-me um pouco.
(Edit: Lembrei-me que talvez tenha talento para falar outras linguas. Uma professora disse-me, uma vez , que se devia ao facto de ter falado duas fluentemente quando era pequena... Sei que pelo menos agora tenho facilidade em aprender outros idiomas.)
Não importa que seja moda, eu não usaria nunca: Nunca digas nunca. :S Já havia dito que nunca usaria leggings com saia ou calças “pitillo” (ok, é o nome espanhol… em português: as calças justas que se usam agora), all stars, botas texanas e acabei rendida.
Queria ter nascido a saber: dançar. Acho que adorava ser uma grande bailarina! J Daquelas de grandes musicais ou ballets.
 
DESAFIO 2
E pela mesma pessoa, aqui fica o segundo desafio:
Regras:
1. Oferecer o prémio a 10 blogs.
- Sintam-se à vontade para o tomar, que é pequenino! ;) 
2. Dizer 8 características minhas:
- Pra ficar equilibrado...

Três virtudes: humilde, sociável, leal.

Três defeitos: desarrumada, impaciente, curiosa.
No meio deixo o sonhadora e introspectiva.

 

ânimo:
melodia: Fame (I'm gonna live forever)
redigido por cricri às 19:34
link do post | Comentar | Ler comentário (3) | favorito
Quarta-feira, 28 de Outubro de 2009

Observações

 

Os gregos dançam bem o twist.

Gostei, sim senhor.

 

(grandes festas erasmus!)

 

melodia: I've got a feeling - BEP
redigido por cricri às 04:30
link do post | Comentar | Ler comentário (2) | favorito
Domingo, 25 de Outubro de 2009

Sábado à noite

Saio de casa num Sábado à noite com um destino: fiesta.

Mas aqui, em Portugal, o ambiente é outro, tão diferente de Espanha: não há botellones nem bares que abrem com os hits dançantes dos anos 80 e 90. Aqui vamos tomar cafezinho às 22h e seguimos para a discoteca quando soam as 2h.
Mas hoje o meu destino, momentaneamente desinteressante e desinteressado, contrariou-me e trouxe-me para casa à 1h.
Limitei-me a um, dois bares. Beberiquei um delicioso cocktail de sumos, natas e grenadina, e ouvi os desabafos de uma amiga.
E estas coisas simples da vida fizeram-me bem.
Ouvir e tentar ajudar uma situação que me recorda a minha vida actua como uma auto-ajuda. Se dou conselhos, porque não usufruir deles também?
Por isso saí do bar mais leve e optimista, como se a cada dia me conhecesse melhor. E enfrentei a noite, mais cálida do que a imaginava.
É a primeira vez que volto sozinha para casa, aqui. Hoje não há vizinhas ou amigas com boleia. Parto ao encontro do táxi descendo, passando ruas desertas, com a paisagem apenas perturbada por um grupo de rapazes, ou um casal de namorados, ao longe. Não se vêem mais raparigas sozinhas como eu pela noite. E por vezes ouve-se o som dos meus passos a ecoar. Tenho-lhe uma relação de amor-ódio: o medo e o gosto da solidão. Talvez devesse estar mais preocupada, mas sinto que conheço cada centímetro daquele passeio. Encarei o castelo, iluminado, ao atravessar uma passadeira e deparei-me com um jovem e ébrio sujeito que lançava palavras ordinárias para o ar turvo pelo nevoeiro que baixava. Mantive o olhar em frente e o passo rítmico.
Cheguei ao jardim com a fonte e sabia que agora estava segura.
Dei as boas noites ao taxista e entrei com rumo a casa. No fim, senti-me mais crescida, um bocadinho assim, mais pequeno que o danoninho mas suficiente para fazer a diferença.
ânimo:
tags: , ,
redigido por cricri às 01:40
link do post | Comentar | Ler comentário (2) | favorito
Quarta-feira, 14 de Outubro de 2009

Procura-se um amigo

Decidi procurar alguns poemas de Vinicius de Moraes e tropecei num texto seu que achei extremamente bonito...
Neste momento era capaz de fazer minhas as suas palavras:

 

"Procura-se um amigo.

 

Não precisa ser homem, basta ser humano, basta ter sentimentos, basta ter coração. Precisa saber falar e calar, sobretudo saber ouvir. Tem que gostar de poesia, de madrugada, de pássaro, de sol, da lua, do canto, dos ventos e das canções da brisa. Deve ter amor, um grande amor por alguém, ou então sentir falta de não ter esse amor.. Deve amar o próximo e respeitar a dor que os passantes levam consigo. Deve guardar segredo sem se sacrificar.

Não é preciso que seja de primeira mão, nem é imprescindível que seja de segunda mão. Pode já ter sido enganado, pois todos os amigos são enganados. Não é preciso que seja puro, nem que seja todo impuro, mas não deve ser vulgar. Deve ter um ideal e medo de perdê-lo e, no caso de assim não ser, deve sentir o grande vácuo que isso deixa. Tem que ter ressonâncias humanas, seu principal objetivo deve ser o de amigo. Deve sentir pena das pessoa tristes e compreender o imenso vazio dos solitários. Deve gostar de crianças e lastimar as que não puderam nascer.

Procura-se um amigo para gostar dos mesmos gostos, que se comova, quando chamado de amigo. Que saiba conversar de coisas simples, de orvalhos, de grandes chuvas e das recordações de infância. Precisa-se de um amigo para não se enlouquecer, para contar o que se viu de belo e triste durante o dia, dos anseios e das realizações, dos sonhos e da realidade. Deve gostar de ruas desertas, de poças de água e de caminhos molhados, de beira de estrada, de mato depois da chuva, de se deitar no capim.

Precisa-se de um amigo que diga que vale a pena viver, não porque a vida é bela, mas porque já se tem um amigo. Precisa-se de um amigo para se parar de chorar. Para não se viver debruçado no passado em busca de memórias perdidas. Que nos bata nos ombros sorrindo ou chorando, mas que nos chame de amigo, para ter-se a consciência de que ainda se vive."

Vinicius de Moraes

 

ânimo:
melodia: Pela luz dos olhos teus- Vinicius, Tom Jobim
redigido por cricri às 17:55
link do post | Comentar | Ler comentário (2) | favorito

»Cricri

»Remexer no boudoir

 

»Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


»últimos posts

» Movimento Pró-Google Tran...

» Vuvuférias

» Erasmus 2010-2011

» O Passeio

» Sinto-me no Nevada

» Especialidades? Estão no ...

» Aula de farmacologia

» Back to step

» Fim de exames

» Estória de um perfume

»baú de posts

» Setembro 2011

» Junho 2010

» Março 2010

» Fevereiro 2010

» Janeiro 2010

» Dezembro 2009

» Novembro 2009

» Outubro 2009

» Setembro 2009

» Julho 2009

» Junho 2009

» Maio 2009

» Abril 2009

» Março 2009

»tags

» todas as tags

»predilectos

» 10 coisas para animar

» 15 coisas para fazer no s...

» Estúpidos hábitos

» A estreia do Padre novato...

» Só lê quem quer!

» Para todos os gostos!

blogs SAPO

»subscrever feeds